Pé-de-milho: Veja receita vencedora do Prato Junino

*Por Augusto Albertini

A vencedora do primeiro dia do concurso “Prato Junino”, realizado pela Belotur, foi a estudante Isys Heringer. Ela venceu sozinha a etapa de seleção na faculdade de gastronomia do Senac, na última segunda-feira (3).

Isys fez uma receita de bolo de milho cremoso com coco, queijo do Serro e uma crosta de pé-de-moleque e pipoca caramelada de quentão, mais tarde, a receita foi apelidada pelo juri técnico do evento de “Pé-de-Milho”.

Trajetória

Isys tem 27 anos, é natural de Rio Pomba (MG) e formada em administração pela UFF (Universidade Federal Fluminense). Durante o período em que cursou a faculdade, ela fazia geleias de pimenta para vender, e teve um retorno do público muito positivo, o que a motivou a fazer gastronomia.

Isys venceu sozinha a etapa do Senac (Foto: Augusto Albertini)

O “Pé-de-Milho” nasceu a partir de uma receita de família, incorporando estudos sobre a carreira de Dona Lucinha, e um levantamento sobre os ingredientes típicos de festa junina. Todo esse conhecimento inspirou-a criar um prato com milho, coco, quentão, pé-de-moleque e pipoca, o resultado foi um bolo cremoso, simples, bucólico, saboroso e inovador.

O prato vencedor será vendido no Arraial de Belo Horizonte. Isys revelou ao Territórios Gastronômicos que pretende servir um cafezinho para acompanhar o bolo, e de quebra, tentará participar da festa junina vestida a caráter.

Receita

Ingredientes

Bolo de milho cremoso

  • 200g de milho verde
  • 100g de coco fresco ralado
  • 50g de queijo do Serro ralado
  • 4 Ovos
  • 350g de leite Condensado
  • 2 colheres de tapioca
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • Pitada de sal

Pé-de-moleque

  • 150g de amendoim sem casca torrado
  • 40g de rapadura
  • 20g de doce de leite em barra
  • água (até dar o ponto do caramelo)
  • pitada de sal

Farofa de Pé -de -Moleque

  • 30g de manteiga gelada
  • 40g farinha de trigo
  • Pé de moleque triturado

Pipoca

  • 50g de pipoca
  • 3 colheres de óleo
  • pitada de sal

Calda de quentão

  • 100 ml de cachaça
  • 100g de rapadura
  • 70g de açúcar mascavo
  • 15 ml de suco de limão
  • 1 unidade de raspas de laranja
  • canela em pau a gosto
  • cravo em pau a gosto

Modo de fazer

Bolo de Milho Cremoso

Cozinhe o milho verde e debulhe-o.

Bata no liquidificador o ovo, o milho cozido, o leite condensado e a manteiga em temperatura ambiente até que vire uma massa homogênea.

Acrescente o queijo ralado, o coco ralado e o fermento em pó no modo pulsar do liquidificador, bater a massa apenas para introduzir os ingredientes.

Em uma forma untada com manteiga e farinha de milho, despeje a massa e introduza a farofa de pé de moleque por cima até formar uma crosta leve ao forno pré-aquecido.

Asse o bolo por 25 minutos à 180º.

Após esfriar, desenforme o bolo e acrescentar a pipoca caramelada por cima.

Pé-de-moleque

Em uma panela de fundo grosso derreter a rapadura com duas colheres de água.

Acrescente o doce de leite em barra.

Pingue a água até iniciar o ponto de caramelo.

Acrescente o amendoim e mexa até que solte totalmente do fundo. Não deixe o amendoim torrar muito, pois ele ainda vai para o forno com o bolo.

Em uma forma untada com manteiga espalhar o pé de moleque e resfriar.

Após tomar uma consistência bem dura, triturar o pé de moleque no processador com a manteiga gelada e a farinha de trigo. Não triture muito o amendoim. Reserve a farofa na geladeira

Pipoca

Em uma panela, insira o óleo e a pipoca, quando começar a estourar, tampe a panela.

Caramelo de quentão para a pipoca

Em uma panela derreta a rapadura com o açúcar mascavo. Acrescente o suco do limão, as raspas de laranja, cravo, canela, gengibre, e por último a cachaça.

Em uma assadeira untada com a manteiga, distribua a pipoca estourada e ponha o caramelho por cima.

Leve ao forno por 10 a 15 min em baixa temperatura. Espere esfriar e coloque em cima do bolo.

(Foto enviada por Isys Heringer )

*Augusto Albertini
Jornalista colaborador do Territórios Gastronômicos

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.