Cacau brasileiro é finalista em premiação na França

Amostras da Bahia e do Pará fazem parte da seleção dos 50 melhores cacaus do mundo.

Por Augusto Albertini

Duas amostras de cacau brasileiro vindas dos estados da Bahia e do Pará, são finalistas do Programa Cacau de Excelência (CoEx 2019), que ocorre hoje (30) no Salão do Chocolate, em Paris.

O objetivo da premiação é valorizar a cadeia produtiva do cacau em todo o mundo, através do reconhecimento do trabalho, da troca de experiência entre os produtores, e da difusão da informação para educar todos envolvidos no cultivo do produto.

Veja Também: Da amêndoa à barra: Conheça os saborosos chocolates saudáveis

O cacau brasileiro foi selecionado pela Comissão do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em parceria com o Centro de Inovação do Cacau (CIC). Inicialmente oito amostras foram escolhidas, cinco da Bahia, duas do Pará e uma do Espírito Santo. Em Paris, duas delas foram selecionadas para a final.

Ao todo, 50 amostras de cacau de diversas partes do mundo participarão da finalíssima.

Pará, o maior produtor Brasileiro

Chocolates em barras, em pó, bombons recheados com frutos da amazônia, cacau e outros produtos da Chocoway do Pará ( Foto EA)

O estado do Para se tornou o maior produtor de cacau e chocolate do Brasil, e levou uma grande delegação para este evento, incluindo produtores premiados no último Festival Internacional de Chocolate e Cacau que aconteceu em Belém no mês de setembro.

Foto de Capa: Divulgação Ministério da Agricultura

Augusto Albertini é Jornalista e colaborador do Territórios Gastronômicos

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Likes:
1 0
Views:
753
Article Categories:
Ingredientes e Utensílios