Você conhece a Fruta do Milagre?

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O texto à seguir é de autoria do Chef Renato Freire, no qual ele descreve uma fruta exótica com algumas características bastante curiosas. Quem nos encaminhou foi a nossa colaboradora Chef Joanne Ribas, que está à frente da Cozinha Original Sabores da Canastra.

Veja também: Além do caju e do Pará: Conheça algumas castanhas nativas

A milagrosa

Conhecida popularmente como Fruta do Milagre ou Milagrosa, cujo o nome científico é Sideroxylon dulcificum é uma frutinha extraordinária. Parecida com uma grão de café ela possui uma polpa rica de uma glicoproteína chamada de Miraculina. Esta proteína, em contato com nossas papilas gustativas é capaz de “enganar” nosso cérebro, enviando a ele sinais de doçura, quando as papilas recebem moléculas de alimentos com acidez.

Assim sendo, alimentos com paladar azedo tornam-se adocicados depois que degustamos a fruta do milagre. O efeito só funciona quando a polpa da fruta é colocada na boca entrando em contato com as papilas, não adianta acrescentar ela a sucos e outros produtos. O efeito da polpa é imediato e pode durar até mais de uma hora. Frutas ácidas, tais como limão, maracujá, abacaxi,etc ficam mais doces e com seus sabores mais pronunciados. Bebidas com acidez, como por exemplo cervejas, vinhos e sucos também ganham notas adocicadas.

Esta planta originária da África é um arbusto de fácil cultivo, sendo facilmente propagada através de sementes, podendo ser cultivada em vasos ou diretamente no solo, onde elas se desenvolvem melhor. Suportam bem ao calor e baixa umidade. Elas podem frutificar a partir dois anos de idade e conforme as condições de solo e clima. Mudas são encontradas em lojas online e são muito resistentes.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Likes:
2 0
Views:
360
Article Categories:
Ingredientes e Utensílios