Esfirras de verdura: delícias de São João del Rei

Veja mais uma tradicional receita da culinária árabe, uma das marcas históricas das identidades gastronômicas de São João del Rei em Minas Gerais

Veja mais uma tradicional receita da culinária árabe, uma das marcas históricas das identidades gastronômicas de São João del Rei em Minas Gerais

Esfirra de verdura

Por: Saada Haddad*

Da Série: Identidades gastronômicas históricas de Minas Gerais*

Ingredientes:

Para a massa

  • 1 copo (americano) de leite morno
  • 1 copo (americano) de água morna
  • 2 ovos
  • 2 colheres de manteiga
  • 1 colher (sobremesa) de sal
  • 2 colheres (sobremesa) de açúcar
  • 50 g de fermento biológico
  • 1 copo (americano) de óleo
  • 1 kg de farinha de trigo

Para o recheio

  • 2 pés de chicória picados
  • Suco de 1 limão capeta
  • Sal e pimenta do reino a gosto
  • 4 tomates picados
  • 2 cebolas picadas
  • 3 colheres (sopa) azeite
  • 1 xícara (chá) de nozes e castanhas de caju picadas

Para finalizar

  • 1 ovo batido

Preparo:

  • Para a massa, misturar os ingredientes e amassar bem
  • Dividir em pequenas porções (Do tamanho de 1 cebola média)
  • Deixar descansar por 10 minutos
  • Para o recheio, levar a chicória ao fogo, com água, e retirar assim que levantar fervura.
  • Deixar no escorredor até esfriar
  • Pôr em uma vasilha e misturar com os demais ingredientes.
  • Finalização: Abrir a massa na palma da mão
  • Rechear as esfirras e fechar unindo as pontas no centro formando um triangulo
  • Depois de fechadas, pincelar o ovo batido.
  • Levar para assar a 180 graus até que fiquem douradas.

*Receita fornecida por Saada Haddad, de São João del-Rei para o Projeto Sabores de Minas

Nas asas da imaginação

Ao bater no casarão em que vive Saada Haddad, pergunte por Aparecida. O nome brasileiro foi incorporado pela descendente de sírios ainda quando criança e hoje já é mais que um apelido. Mais uma representante da família síria em São João del-Rei, Aparecida também se dedica ao preparo das iguarias das terras dos pais, sendo indicada, com sua prima Ivone, da receita anterior, por 10 entre 10 moradores quando o assunto é comida árabe.

Enquanto se debruça sobre a mesa, para abrir e rechear esfirras, a mineira conta algumas partes da saga dos imigrantes rumo ao Brasil e lembra, em especial, da história dos pais. Eles se conheceram no navio e acabaram se casando. Meu pai, assim como outros, era dono de um armazém na cidade, conta. Se pelas mãos de Ivone o recheio de carne é o que mais faz sucesso, Aparecida aposta na linha vegetariana e arranca elogios com sua esfirra de verdura.

Tem gente que só pede a de verdura, que também é uma receita tradicional, diz. A de queijo também é ótima opção para quem não come carne, além, é claro, de ser uma homenagem ao nosso bom e velho queijo-de-minas. Como pode se ver, a versatilidade da massa permite que a imaginação trabalhe a serviço do paladar. Agora, é só escolher o sabor e deixar-se contagiar pelos encantos árabes.

Mapa dos Territórios Gastronômicos de Minas gerais: O município de São João del Rei está localizado no Território Mantiqueira/Centro Sul

EA/TG – MANTIQUEIRA / CENTRO SUL

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.