Geleia de Mocotó com Pimenta: de Minas para o mundo

Conheça esta iguaria que mudou a vida de sua criadora e foi sucesso no Madrid Fusion em 2013 quando chefs mineiros apresentaram a geléia de mocotó com pimenta para profissionais de cozinha e jornalistas especializados do mundo inteiro.

Conheça esta iguaria que mudou a vida de sua criadora e foi sucesso no Madrid Fusion em 2013 quando chefs mineiros apresentaram a geléia de mocotó com pimenta para profissionais de cozinha e jornalistas especializados do mundo inteiro.

Conheça esta iguaria que mudou a vida de sua criadora, uma doceira do interior de Minas Gerais, e foi sucesso em 2013 no Madrid Fusion, quando chefs mineiros apresentaram a geléia de mocotó com pimenta para profissionais de cozinha e jornalistas especializados do mundo inteiro.

Conheça outra receita com mocotó que faz parte da história de BH

Geléia de Mocotó com Pimenta

Da Série: Doces dos Quintais de Minas Gerais*

Ingredientes:

  • 6 mocotós ( pés de boi) limpos e picados
  • 8 Kg de açúcar cristal
  • 6 litros de leite
  • 5 rapaduras picadas
  • cravo e canela a gosto ( moídos)
  • 10 pimentas malagueta amassada
  • Óleo para untar

Material:

  • Formas redondas

Preparo:

  • Ferventar os pés de boi cobertos de água em um tacho por 1 hora
  • Desprezar o líquido e com uma faca limpar bem os pés retirando todas as impurezas
  • Cozinhar em fogo brando coberto com água por 12 horas, mexendo de vez em quando para não grudar
  • Deixar esfriar e passar o caldo por uma peneira fina para retirar os fragmentos de ossos
  • Misturar o caldo com o leite a rapadura e o açúcar.
  • Levar ao fogo em tacho por cerca de 3 horas até engrossar, mexendo sempre
  • Retirar e bater com uma colher
  • Por a canela, o cravo e a pimenta e bater até dar ponto de geléia
  • Despejar nas formas untadas de óleo e desenformar no dia seguinte.

*Receita fornecida por Anália Maria de Campos de Pompéu para o Projeto Sabores de Minas

Uma vida no Tacho

Na última jornada de 2012, os viajantes dos Sabores de Minas visitaram Pompéu, a 164 quilômetros de Belo Horizonte. Terra pacata e com forte ligação com o meio rural, o município abriga mestres na cozinha, como Anália Maria de Campos, personagem cuja história encanta qualquer ouvinte. “Tinha me separado e precisava de uma fonte de renda. Na época mexia com salão e com costura, mas resolvi mudar de vida. Com 4 tijolos fiz um fogãozinho e preparei a primeira geléia de mocotó. Em dois dias vendi tudo que produzi, e após dois anos já consegui reformar a casa”, relata. Passados 10 anos dessa reviravolta a cozinheira coleciona uma legião de fãs não só da geléia de mocotó, mas também da goiabada, doce de leite, doce de mamão, conservas e outras delicias que saem de seus tachos e caldeirões. Ultimamente, tem surpreendido as visitas com novos sabores, como a geléia de mocotó com pimenta, pedido de um freguês, que promete conquistar outros paladares. Segundo Anália, a iguaria é afrodisíaca, só provando para testar. Confira a receita.

Mapa dos Territórios Gastronômicos de Minas Gerais: O município de Pompeu está localizado no Território Cerrado/Portal do Cerrado

EA/TG – CERRADO/PORTAL DO CERRADO

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.