Berinjela e omelete com gruyère: 2 receitas com queijos finos da Mantiqueira

É sempre divertido para quem gosta de criar na cozinha, acompanhar umas receitas diferentes. Veja que interessante a proposta de cozinha saudável que descobrimos nas viagens do Sabores de Minas pela região da Mantiqueira, onde existe uma produção histórica de ótimos queijos finos.

É sempre divertido para quem gosta de criar na cozinha, acompanhar umas receitas diferentes. Veja que interessante a proposta de cozinha saudável que descobrimos nas viagens do Sabores de Minas pela região da Mantiqueira, onde existe uma produção histórica de ótimos queijos finos.

*Ao final da matéria conheça tudo sobre este rico território gastronômico da Mantiqueira

Berinjela recheada com gruyère

Ingredientes:

– 1 berinjela grande, cortada ao meio, no sentido vertical

– 1 copo (americano) de água

– Sal e orégano a gosto

– 6 colheres (sopa) de molho de tomate pronto

– 100 g de queijo gruyère picado ou ralado

– Óleo

Preparo:

Aquecer uma frigideira, de preferência de maior diâmetro e antiaderente, e untá-la com óleo.

Em fogo baixo, pôr as duas metades da berinjela com a parte das sementes virada para cima.

Pôr metade da água e tampar a frigideira.

Quando a água secar, virar a berinjela, de forma que a parte das sementes fique em contato com a panela.

Deixar grelhar e virar novamente.

Com uma colher, separar a polpa da casca (mantendo na berinjela) e misturar o sal.

Pôr partes iguais de molho dentro de cada metade, misturando com a polpa.

Pôr o queijo e o orégano por cima, despejar o restante da água na frigideira e tampar.

Deixar no fogo até o queijo derreter.

Veja também: filé ao queijo azul de Cruzília

Omelete com gruyère, couve e cenoura

Ingredientes:

– 4 ovos

– 1 cenoura pequena, ralada

– 1 folha de couve picada

– Cebolinha, manjericão e sal a gosto

– 50 g de queijo gruyère, picado em pedaços finos

– Óleo para fritar

Preparo:

Bater o ovos inteiros e pôr a cenoura, a couve e os tempero.

Bater novamente.

Aquecer uma frigideira larga, de preferência antiaderente, e untá-la com óleo.

Despejar a mistura e, quando começar a fritar, pôr o queijo.

Fechar a omelete como se fosse um rocambole e deixar dourar dos dois lados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 20200710155436945234u.jpg

*Receitas fornecidas por Lucimar Messias de Araújo, de Carrancas para o Projeto Sabores de Minas

Saudável sabor

Para trilhar os caminhos que os desbravadores queijeiros dinamarqueses percorreram na região é preciso trafegar por estradas de terra, nem sempre em boas condições, mas que levam a paraísos escondidos, como a bela Carrancas, a 290 quilômetros de BH. Famosa por suas cachoeiras, a cidade também abrigou a produção de queijos finos no estado, uma época da qual agora só restam histórias e deliciosas receitas.

No Restaurante Adobe, os queijos têm espaço especial no cardápio, principalmente porque os donos da casa seguem a dieta vegetariana, o que não impede, contudo, que carnes bovinas e de peixes, como a truta, sejam servidas aos fregueses. Naturais de São Paulo, Roberto Vaz Pupo Nogueira e a mulher, Lucimar, encontraram na cidade a tranqüilidade que procuravam. “Foi amor à primeira vista. Viemos a passeio e depois de seis meses já estávamos morando aqui”, conta Roberto.

No restaurante, a filosofia é servir o que há de mais saudável, sem prejudicar o sabor. Para isso, são usadas ervas frescas plantadas pelo casal e pouca gordura. Responsável pela cozinha – ofício do qual não abre mão – Lucimar ensina as receitas da berinjela recheada e da omelete, ambas com o queijo gruyère. Sem mistérios no preparo, os pratos surpreendem pelo sabor leve. Para acompanhar, suco natural de frutas, também feito no restaurante.

O paladar agradece e a saúde assina embaixo.

Mapa dos Territórios Gastronômicos de Minas Gerais: O município de Carrancas está localizado no Território Mantiqueira/Sul Suíça

EA/TG – MANTIQUEIRA/SUL SUÍÇA

*Viaje conosco e conheça a rica gastronomia do Território da Mantiqueira e suas identidades regionais.

Expedição Gastronômica à Mantiqueira Parte I

Expedição Gastronômica à Mantiqueira Parte II

Expedição Gastronômica à Mantiqueira Parte III

Expedição Gastronômica à Mantiqueira Parte IV

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.