Cafeteira inteligente: Clever Dripper - Territórios Gastronômicos

Cafeteira inteligente: Clever Dripper

Conheça esse método mais inteligente de fazer café.

Café especial

Conheça esse método mais inteligente de fazer café.

Por Débora Reis, Coffee&Joy*

Existem diversas maneiras diferentes de preparar café e disso a gente já sabe. Mas você já ouviu falar da Clever Dripper? Ela brinca com as possibilidades e literalmente entrega tudo: facilidade, economia e versatilidade!

Vídeo: Coffee&Joy

Sobre a Clever

A Clever possui duas opções de tamanho: 300 e 500ml. Ela conta com um sistema na parte inferior que retém o café e o mantém em infusão através de uma válvula. Isso permite que a preparação do café seja feita misturando duas formas de extração de café: por infusão – o mesmo da Prensa Francesa, em que o café fica estático em conjunto com a água durante alguns minutos – e a percolação – é o filtrado que conhecemos usando coadores como Melitta, Waals ou a Hario V60, por exemplo.

Alguns filtros de papel específicos para a Clever – que, por sinal, são bem parecidos com o filtro da Melitta – acompanham a cafeteira na caixinha. Por isso, você pode utilizá-la com o filtro próprio ou pode adaptar o filtro da Melitta para utilização na Clever.

Café especial
Foto: Coffee&Joy

A Clever é uma ótima opção para quem quer mergulhar no mundo sensorial do café de qualidade porque ela é capaz de realçar toda a complexidade da bebida. A extração da Clever, inclusive, se assemelha bastante ao cupping – um dos processos técnicos a que o café especial é submetido.

A semelhança com o cupping se dá porque durante a infusão, o café fica apenas em contato com a água, sem nenhum escape. Isso resulta num café mais encorpado e viscoso.

Além de afetar o corpo da bebida, a Clever também entrega um café com uma doçura muito equilibrada. Com isso, a cafeteira promete clareza nas notas sensoriais do café de qualidade, facilitando a identificação de cada uma delas.

Café especial
Foto: Coffee&Joy

Como utilizar a Clever

O primeiro passo é escaldar o filtro de papel para preparar o café. Depois, é só escolher a moagem que mais te agrada. Nós utilizamos 30g de café em pó, numa moagem média-grossa, para 400ml de água. Se puder, opte sempre por moer o café na hora do preparo. Isso faz toda a diferença!

Adicione a água de uma vez só à cafeteira, tampe e aguarde 2 minutos. Após esse tempo, é necessário mexer o café para quebrar a crosta que se forma na parte superior da cafeteira e garantir que a água passe por todo o pó de café.

Depois de mexer, aguarde mais 1 minuto e meio. Mas, atenção: o tempo total de infusão do café não deve ultrapassar 3 minutos e meio para que não haja super-extração.

O último passo é simples: posicionar a cafeteira e acionar a válvula para liberar o café.

Café especial
Foto: Coffee&Joy

Na xícara

Para fazer o teste, usamos o café Malibu, da assinatura Coffee&Joy. Ele é um café frutado, com sabor equilibrado com leves notas de uva rosa, coco e frutas tropicais. Possui acidez equilibrada, o corpo é denso e a finalização é refrescante. Possui 85 pontos no protocolo SCA.

Café especial
Foto: Coffee&Joy

A primeira característica notável do café preparado na Clever é a xícara bem limpa. Isso porque a cafeteira utiliza filtro de papel, que impede que os resquícios sejam transferidos no final.

A finalização não é tão longa, mas ainda assim é prazerosa. Em relação à doçura e à acidez, a Clever equilibra-as muito bem.

É uma ótima opção para quem gosta de se aventurar e experimentar as variedades que o café traz. Como as variáveis são flexíveis e controláveis – tipo de moagem, quantidade e temperatura da água, por exemplo – é possível ter vários resultados diferentes com o mesmo café.

Conteúdo originalmente publicado em Coffee&Joy: Clever Dripper – a cafeteira inteligente

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Likes:
0 0
Views:
435
Article Categories:
Coluna
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments